top of page

Dia Mundial Da ADOÇÃO

Olá, Criaturas Queridas do Meu Coração.

Neste dia, em que se comemora o Dia Mundial da ADOÇÃO, muitas dúvidas ainda permanecem na sociedade:

Quem pode Adotar?

Porque os abrigos estão cheios e ninguém consegue adotar?

O que acontece com as crianças que não são adotadas?

....

Bom. Convido todos à uma reflexão bem simples:

O que a sociedade esta fazendo com o nosso futuro?

Sabemos que o futuro de toda e qualquer sociedade depende pura e simplesmente da forma em que conduzimos nossas crianças.

E as crianças abrigadas, qual o futuro que às esperam?

Que tipo de sociedade os aguardam?

Que perspectivas esses futuros adultos têm?


ADOÇÃO não é caridade.

ADOÇÃO não é bondade.

ADOÇÃO é AMOR!


Um amor de Pai e Mãe à um filho, que muitas vezes é dito que é escolhido, mas pelo contrário, os Pais e Mães é que são os escolhidos.


Sim. são os filhos, um dia adotados, quem escolhem os Pais e Mães.

Quando pequenos, são avaliados por Psicólogos, Assistentes Sociais, Promotores e Juízes, se estão bem cuidados, recebendo cuidados, amor, carinho, saúde... tudo o que uma criança pequena necessita.

Quando maiores, eles mesmos dizem:

EU ACEITO COMO MEU (S) PAI (S) e/ou MINHA (S) MÃE (S).


Nessa busca incessante pela Paternidade / Maternidade é preciso escolher o perfil idealizado de um filho.

Saibam que filhos são seres humanos e mesmo que sejam Gerados e não Adotados eles darão "defeito". Brinco com esse termo pois TODO filho (a) durante o seu crescimento e amadurecimento natural de ser humano, te desafiará. te TESTARÁ, fará birra, manha, chorar em público,.... Ufa. Na adolescência então, nem se fala.

E você, está preparado para ter um filho, seja gerado ou adotado?

Ter um filho (a) é abdicar de sua vida durante um período de tempo e viver a vida de um ser que você AMA incondicionalmente. Que você dará a sua vida por ele.


Neste Dia Mundial da ADOÇÃO peço que reflitam, pois ter um filho é uma responsabilidade ímpar na vida de um ser humano.

É sua a responsabilidade de criar, educar, alimentar, ensinar,.... a ser um adulto responsável. Um futuro cidadão (ã) ciente de regras sociais das quais ele é quem irá decidir seguir ou não.


É ambíguo, Eu sei.

Preocupa, Eu Sei.

Desespera, EU SEI.

.....

EU SEEEEI !!!!


Mas eu Amo, INCONDICIONALMENTE.

Amo meus filhos e estou disposto à arriscar.

Ou melhor, à INVESTIR num FUTURO para eles mesmo.


Um forte Abraço, Jô Rodrigues

@Dr_JoRodrigues @gaadba






150 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page